quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Veja o que não fazer durante o estágio


Ao contrário do que muitos estagiários pensam, agir de maneira adequada em uma empresa, mesmo nas mais modernas, não é coisa do passado. Quem deseja uma efetivação precisa estar atento às próprias atitudes, para não dar passos errados.

Um primeiro comportamento condenável é a acomodação, de acordo com o diretor de comunicação da Estagiários.com, Giuliano Bortoluci. É claro que num primeiro momento você se sentirá perdido, afinal, não possui muito conhecimento. Mas este deve ser um estímulo para correr atrás do que não sabe. Quem almeja uma efetivação deve ter em mente que um bom líder não conhece apenas sua área, mas toda a empresa.


Cuidado com o palavreado

O segundo comportamento é falar muitas gírias. Pode ser difícil, mas é preciso ser formal no ambiente de trabalho. "Há algumas expressões que são comuns no cotidiano do jovem, mas elas devem ser evitadas em um ambiente corporativo. Isso passa uma imagem de falta de profissionalismo e de postura", explicou Bortoluci.

"É claro que com os colegas de trabalho que permitam uma relação mais informal, o uso é livre, mas não use tal maneira de falar com os mais velhos e com seus superiores", completou.

Não adie compromissos. Normalmente, o estagiário é avaliado por aquilo que ele executa. Por isso, se a tarefa chegar atrasada ou com pouca qualidade, as chances de efetivação ou de sucesso podem diminuir consideravelmente. "Já dizia o ditado: não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje".

É preciso saber administrar o tempo para conseguir lidar com as atividades. Para isso, evite navegar na internet para fazer o que não tem relação com seu trabalho. Não tem coisa que irrite mais os gestores.


Sem vergonha

Quem quer sobreviver no estágio, e também em qualquer outro emprego, não tem que ter vergonha de perguntar. Este é um momento de aprendizagem e, por isso, é totalmente aceitável que o estagiário tire suas dúvidas.

"Não tenha vergonha de perguntar, mesmo que não seja algo relacionado à sua atividade, mas questionamentos relacionados ao ambiente de trabalho ou ao negócio da empresa. Seus gestores e chefes estão preparados para solucionarem suas questões".


Fonte: InfoMoney

Um comentário:

Larissa disse...

Os demais até que eu não peco, mas a vergonha ainda não perdi... Não tenho coragem de pedir ajuda!! hehehe

CNI | SESI | SENAI | IEL